Em entrevista à EW, Stephen Amell falou sobre como Arrow pode substituir futuramente os flashbacks da série, tão presentes desde a primeira temporada.

“Estou aberto e empolgado sobre qualquer ideia possível. Se os flashbacks não existem mais, isso nos permite expandir o universo em termos de nos concentramos mais nas histórias de outras pessoas, em suas vidas fora da Flecha-Caverna. Acho que isso é interessante. Podemos fazer isso simplesmente porque teremos mais tempo, mais páginas, mais chances de diálogos”.

O ator também revelou que a equipe por trás da série nunca planejou corretamente a história de Oliver Queen na ilha, onde o personagem supostamente passou cinco anos, e que mudanças foram sendo feitas no decorrer da série.


“Eu acho que a chave para uma história como essa é que – tipo, o Arqueiro Verde teve uma história de origem de cinco anos, mas iremos contando em flashbacks conforme avançamos. Sempre existe uma trama maior, mas que muda de temporada em temporada. Por exemplo, eu acho que no começo da segunda temporada, nós nem mesmo sabíamos que no final dessa temporada o Oliver iria para Hong Kong. Nós não sabemos necessariamente essas coisas, e isso apenas faz parte da natureza da TV episódica de 23 episódios por ano”.

Arrow é exibida no Brasil pelo canal pago Warner.