Making a Murderer | Steven Avery teria assumido crime para companheiro de cela

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Steven Avery, o protagonista da série documental Making a Murderer, da Netflix, pode ter confessado o crime pelo qual foi preso.

Segundo o The Wrap, o presidiário Joseph Evans, que está cumprindo pena por ter assassinado sua esposa, alegou em uma carta de nova páginas publicada pelo Rockford Advocate que Avery teria confessado para ele como teria estuprado e assassinado Teresa Halbach.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Ele disse que colocou uma faca na garganta de Teresa enquanto a guiava para seu quarto”, escreveu Evans. “Steven disse que Teresa estava chorando e implorando para que não a matasse”, escreveu.

Evans também afirma na carta que Avery disse que “teria conseguido se safar, se o seu sobrinho idiota Brendan [Dassey] não tivesse falado com a polícia”.

Avery e Evans foram alojados na mesma unidade da prisão Wisconsin, em Boscobel, ao mesmo tempo. Eles também foram transferidos no mesmo dia para a instalação correcional de Waupun.

Making a Murderer foi recentemente vencedora de vários Emmy para produções documentais. A segunda temporada pode sair ainda este ano.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio