A presidente da NBC Entertainment, Jennifer Salke, finalmente se manifestou sobre o futuro da série Powerless.

O futuro da primeira comédia de super-heróis da DC ainda é incerto porque não foi um sucesso de audiência quando estreou e a audiência só tem caído desde então.

“[Powerless] não estreou com os números mais emocionantes, o que é OK, porque nós pensamos que seria vista e adorada por um público online. Ainda estamos de olho na série. Eu só queria que ela estivesse se saindo melhor, mas nós não tomamos decisões. Vamos continuar a transmití-la e estamos atrás disso”.


A série surpreendeu o público por ter uma pegada mais humorística que contrasta muito com as histórias sombrias da DC.

Powerless estreia no Brasil em 12 de março, às 23h, pelo canal pago Warner.

Em Powerless, Emily Locke (Vanessa Hudgens) começa seu primeiro dia como Diretora de Pesquisa e Desenvolvimento para a Wayne Security, uma subsidiária da Wayne Enterprises, especializada em produtos que tornam o mundo mais fácil para a humanidade lidar com os danos colaterais dos Super-Heróis e Super-Vilões. Cheia de confiança e grandes ideias, Emily rapidamente descobre que suas expectativas ultrapassam em muito as de seu novo chefe, Van Wayne (Alan Tudyk), e colegas de trabalho, o que a leva a liderar uma equipe que busca o reconhecimento de que não precisa-se tem superpoderes para ser um herói.

A atração terá 13 episódios em sua primeira temporada.