House of Cards | Robin Wright foi comunicada que Kevin Spacey ganha mais porque é produtor

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Uma entrevista concedida ao Huffington Post no ano passado pela atriz Robin Wright, que interpreta Claire Underwood em House of Cards, repercutiu bastante e fomentou debates sobre paridade salarial entre os gêneros.

Na ocasião, Wright declarou que exigiu da Netflix pagamento igual ao do colega Kevin Spacey, que faz Frank Underwood.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ela disse que, na série, os dois personagens têm destaque similar (são co-protagonistas). Declarou ainda que, segundo certas análises, Claire era mais popular do que Frank em algumas temporadas. Ou seja: a diferença de pagamento não poderia ser justificada, a princípio, pela relevância do papel.

Agora, com a quinta temporada prestes a estrear, Wright voltou a falar sobre o assunto. “Não acho que estou recebendo o mesmo valor. Me disseram que eu ganharia um aumento”, disse ela à Rhapsody.

Segundo a matéria, a atriz foi comunicada que, como Spacey também é produtor do programa, seus pagamentos não têm como ser iguais. De qualquer forma, ela teria ganhado incentivos financeiros adicionais.

As declarações de Wright ajudam a fomentar debates sobre diferença salarial entre homens e mulheres, problema que já foi demonstrado em diversas reportagens e ainda persiste até mesmo nos países mais desenvolvidos.

A quinta temporada de House of Cards chega à Netflix no dia 30 de maio.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio