Raio Negro | Showrunner fala sobre semelhanças da série com o mundo real: “Nossos vilões não são aliens”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Raio Negro será a próxima série da DC e também terá seus episódios exibidos na CW, nos Estados Unidos. E durante entrevista para a TVline, o elenco do programa reforçou mais uma vez no fato de a série representar o mundo real de uma maneira muito mais fiel que os demais programas de super-heróis.

“Nossos vilões não são aliens ou outras pessoas com superpoderes, são os vilões que conhecemos todos os dias”, afirmou Salim Akil, showrunner da série. “Foram 125 tiroteios em Chicago durante o feriado do dia 4 de julho – esses são os caras maus. Alguém precisa abordar isso, e não vimos nenhum super-herói nos guetos da América. Então, com este personagem, pelo menos, você tem um super-herói que está indo para essa era que precisa mais do que tudo, mas você também tem um homem que também está educando essa comunidade”, completou.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O produtor também falou sobre os problemas que as filhas do protagonista Jefferson Pierce (Cress Williams) estão passando, algo, segundo ele, bem real também. “Anissa (Nafessa Williams) vai entrar em seus próprios poderes como Thunder, mas também é lésbica”, analisou. “Jennifer (China Anne McClain) vai entrar em seus poderes, mas ela tem que lidar com a tentativa de ser uma jovem de 16 anos”, alertou.

A série criada por Greg Berlanti foi criada inicialmente para a Fox, mas será exibida no The CW, que já conta com diversos programas de Berlanti, principalmente com histórias de quadrinhos da DC. Será a sexta adaptação do produtor, que tem Arrow, o Flash, Legends of Tomorrow, Supergirl e Riverdale. IZombie, que também tem o interesse da The CW, deverá ser a sétima.

O piloto do programa estrelado por Cress Williams foi dirigido por David McWhirter e escrito pela dupla Judalina Neira e Lauren Certo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio