Os painéis das séries da AMC The Walking Dead e Fear The Walking Dead tiveram um início fora do convencional durante suas respectivas aberturas na Comic-Con 2017, em San Diego. Ao invés da tradicional nota de celebração, os painéis fizeram um minuto de silêncio em respeito a morte do dublê John Bernecker.

O momento foi guiado pelo moderador do evento Chris Hardwick. “Eles perderam um amigo muito querido”, iniciou. “Acho importante falar que foi uma coisa horrível para se acontecer. Eu não vejo uma linha de prata nisso. É importante falar sobre isso e honrá-lo”, acrescentou.

Mais tarde mais uma morte foi homenageada no evento. O produtor executivo Greg Nicotero lembrou da morte do pai dos zumbis no cinema, George A. Romero, que morreu aos 77 anos vítima de um câncer. “Nenhum de nós estaríamos aqui”, afirmou o produtor, sobre o impacto dos filmes de Romero. “Eu me sinto honrado por ter trabalhado com ele e que ele tenha me dado meu primeiro trabalho”, relembrou.


Nicotero ainda comentou sobre o legado deixado por Romero. “Foi um dia triste para todos nós… Ele quebrou os limites. Suas histórias tinham comentários sociais. Ele usou o apocalipse zumbi para falar sobre o que estava acontecendo no mundo na época e estamos fazendo a mesma coisa”, afirmou.

As filmagens da temporada de The Walking Dead foram retomadas na segunda-feira (17) após o trágico – saiba tudo.

The Walking Dead é exibida no Brasil pelo canal pago Fox. A estreia do oitavo ano ocorre em 22 de outubro.