Chefe do financeiro da Netflix diz que gasto com séries originais pode passar de US$7 bilhões ao ano

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O CFO (chefe do setor finaneiro) da Netflix, David Wells, conversou com investidores nessa terça-feira (12) e, segundo reportagem do TheWrap, os tranquilizou sobre a suposta dívida contraída pela empresa para criar mais produções originais.

“Ted [Sarandos, chefe de conteúdo] mencionou que podemos gastar até US$7 bilhões ao ano no futuro – eu acho que isso vai continuar a crescer enquanto nossa base de assinantes crescer”, contou. “Nós podemos pagar mais por um pedaço de conteúdo, ou colocar mais coisas na tela para o benefício da nossa rede de assinantes”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Não acho que temos nenhum tipo de arrependimento quanto aos investimentos que fizemos, mesmo nas séries mais caras. Nós recusamos alguns projetos. Temos limites na nossa conta no final do mês”, brincou ainda.

Wells disse ainda que a Netflix estuda a possibilidade de criar séries ainda mais caras do que The Crown e Sense8, por exemplo. “Se o projeto certo surgir, podemos gastar US$20 milhões por episódio, se o público estiver disponível para assistir”, disse.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio