David Lynch compara David Bowie com Elvis Presley após trabalhar com rockstar em Twin Peaks

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O diretor David Lynch contou em entrevista ao Pitchfork como foi trabalhar com David Bowie, o falecido rockstar e ator que interpretou Phillip Jeffrier em Twin Peaks: Os Últimos Dias de Laura Paulmer (1992), filme derivado da série criada por Lynch.

O personagem “retornou” na nova temporada de Twin Peaks, embora apenas em forma de uma máquina estranha. “Eu nunca conversei com Bowie sobre o retorno, apenas com seu advogado, e ele não me dizia porque Bowie insistia que não poderia atuar na série”, contou Lynch.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Tivemos permissão de usar as cenas antigas, mas ele não queria sua voz na série. Eu acho que alguém fez com que ele se sentisse mal por causa do sotaque dele no filme, que estava lindo. Ele queria que chamássemos um ator de Louisiana, então foi o que fizemos”, disse ainda o diretor. Nathan Frizzell dublou o personagem na série.

“Ele era único, como Elvis Presley. Havia algo sobre ele que era tão diferente de todo mundo. Eu só o conheci durante o tempo que trabalhamos com ele, mas ele era um ótimo rapaz, tão fácil de conversar e simples. Eu só gostaria que ele estivesse por aqui ainda, para trabalhar com ele de novo”, disse ainda.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio