O ator Seth Gilliam, que interpreta o Padre Gabriel em The Walking Dead, revelou que já recebeu ameaças de morte dos fãs, especialmente no momento da série em que seu personagem tentava enganar Rick e trair Alexandria.

“Foi muito diferente para mim, é separado de qualquer outro papel que eu já interpretei. Teve tanto impacto no público. Tive que me acostumar com ameaças de morte, e perceber que elas eram mandadas por garotos de 13 anos no porão de suas casas em Wisconsin, e não por pessoas que realmente queriam me machucar. Isso teve um impacto em mim, percebi o quanto as pessoas levam isso a sério”, disse à EW.

“Todo ator quer ser apreciado pelo que faz – mesmo os que interpretam vilões. As pessoas deveriam odiar o vilão, mas amar o ator que as fazem odiar o vição. Por um tempo, parecia que essas coisas se misturavam, porque se tornou muito pessoal. Eu tive que parar por um tempo e pensar: ‘Eu não escrevi essas falas. Não improvisei essas falas. É só a trama da série'”, disse ainda.


A oitava temporada de The Walking Dead estreia dia 22 de outubro, com o episódio “Mercy”.