CW encomenda reboot “feminista” da série clássica Jovens Bruxas

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O canal americano CW encomendou um piloto para o reboot de Jovens Bruxas, série famosa do começo dos anos 2000.

A série foi criada por Jennie Snyder Urman, que também desenvolveu e foi showrunner de Jane, the Virgin e terá também produção executiva de Ben Silverman, Jessica O’Toole e Amy Rardin. O piloto será dirigido por Brad Silberling, com roteiro de Katie Lovejoy e Bill Lawrence.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A CW tentou trazer Jovens Bruxas em 2017 de volta, quando pediu uma reimaginação da série, que seria ambientado em 1976 com três novas bruxas. Entretanto, o projeto acabou não indo para frente porque Urman estava muito ocupada na época.

A série original, criada por Constance M. Burge foi ao ar no canal Warner Bros por oito temporadas, de 1998 a 2006. Jovens Bruxas falava sobre um trio de boas bruxas. Na terceira temporada, Rose McGowan teve de deixar a série, sendo substituída por Shannen Doherty, que se juntou à Holly Marie Combs e Alyssa Milano.

O roteiro do novo piloto, escrita por O’Toole e Rardin foi baseado em uma história ambientada nos dias atuais. A CW disse que, ao ler o roteiro, gostou muito de uma versão “mais feroz e feminista”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio