The Walking Dead perde mais um importante personagem: “Morte honrada”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

ATENÇÃO: SPOILERS A SEGUIR

O episódio desse domingo (08) de The Walking Dead trouxe mais uma importante morte entre os personagens principais da trama: a vítima da vez foi Simon (Steven Ogg), braço direito de Negan (Jeffrey Dean Morgan) que, recentemente, estava conspirando para tirar o vilão do comando dos Salvadores.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Negan descobre a traição e resolve dar a Simon a oportunidade de assumir a liderança – se conseguir vencê-lo em um combate mano-a-mano. Mesmo sem Lucille para ajudá-lo, Negan prevalece sobre o ex-assecla, o sufocando de forma furiosa e prendendo seu corpo zumbificado nas cercas do Santuário.

Jeffrey Dean Morgan dá resposta hilária para quem pede morte de Negan

“Quando percebi o que Simon estava tentando fazer, para onde a trama dele estava indo, já me dei conta que ele iria morrer logo”, brinca Ogg em entrevista ao THR. “Não há muitas outras formas dessa história acabar, a não ser que ele conseguisse escapar e formar o seu próprio grupo de sobreviventes, mas isso não iria acontecer”.

“De certa forma, eu acho que foi uma morte honrada, porque mostrou Simon insistindo na forma como ele queria fazer as coisas até o fim. Por exemplo, na cena em que Negan quase o mata com Lucille, eu acho que é importante que Simon olhe para Negan, porque ele quer manter sua honra”, conta ainda.

The Walking Dead retorna, com o episódio final de sua oitava temporada, no domingo (15).

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio