A série Máquina Mortífera virou foco de uma série de polêmicas recentemente, após a demissão do protagonista Clayne Crawford e a contratação de Seann William Scott para a 3ª temporada (saiba mais).

Agora, o coprotagonista de Crawford, Damon Wayans, usou o Twitter para dar sua própria versão dos acontecimentos que levaram a demissão do seu companheiro de elenco, e pareceu apoiar a decisão da Warner TV.

“Agora que o destino da série está solidificado, eu gostaria de endereçar as reclamações no Twitter com esse vídeo e imagem”, escreveu Wayans.


Embora tenham sido apagados depois, os tuites mostravam uma cena de ação de um episódio dirigido por Crawford em que Wayans sofria um machucado feio em sua nuca.

Sentindo que estava sendo totalmente responsabilizado pela demissão de Crawford, Wayans ainda tuitou uma imagem do set em que um adesivo dizendo “Clayne Crawford é um terrorista emocional” foi colado em um poste.

“Não fui eu que fiz isso. Ele se tornou impossível de defender. Fazia as funcionárias femininas chorarem. Ele dava medo no elenco e na equipe”, escreveu.

Máquina Mortífera | Ator quebra o silêncio após sua demissão da série

Scott deverá interpretar o irmão do personagem de Crawford, que formará uma nova dupla com Roger Murtaugh, papel de Damons Wayans.

Nos cinemas, Máquina Mortífera deve ganhar um quinto filme muito em breve (saiba mais).