Robin Williams era conhecido por seu humor – mas, de acordo com uma nova biografia, o ator às vezes levava suas piadas longe demais.

O livro do biógrafo David Itzkoff revelou que Williams agia de forma inadequada no set da série Mork & Mindy (1978-1982), fazendo avanços sexuais na direção de suas colegas de elenco e andando nu pelas filmagens.

“Ele tirava todas as roupas, ficava nu, enquanto ela estava tentando atuar”, escreveu Itzkoff. “Seu objetivo na vida era fazer Pam Dawber ficar envergonhada”.


Após Jumanji, Kevin Hart quer refazer outro clássico de Robin Williams

Diretor de vários episódios da série, o cineasta Howard Storm também se lembrou do comportamento “ultrajante” de seu astro. “Robin fazia com que todas as piadas fossem sexuais, porque estava entediado com o texto”, contou.

“No meio da cena, ele simplesmente virava e a agarrava”, Storm disse ainda. “Ou pegava em seu seio. E nós começávamos a cena de novo. Eu dizia: ‘Robin, não há nada no roteiro que diga que você pega o seio da Pam’. E ele dizia: ‘Tudo bem'”.

A própria Dawber diz no livro, no entanto, que nunca ficou ofendida pelas atitudes de Williams: “Era tudo muito divertido. Eram os anos 70, no final das contas”.