Objetos Cortantes | Amy Adams teve que defender sua dublê após incidente em que foi confundida com ela

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em uma entrevista para o site The Hollywood Reporter sobre a série Objetos Cortantes, Amy Adams contou um pouco de uma história de bastidores que chamou bastante atenção pela atriz ter tido que defender sua dublê.

A história toda começou pelo fato das cicatrizes protéticas que a atriz tinha que usar todos os dias no set e também de estar nua em diversas cenas.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Definitivamente havia um componente emocional para colocar as cicatrizes em termos de ver o dano que minha personagem causou em seu corpo, mas também havia aquela vulnerabilidade que eu estando nua havia criado”, comentou a atriz.

“E eu tive essa dublê incrível, Reb, que eles também marcaram com as cicatrizes, porque Jean-Marc [Vallée, diretor] queria ver e ela também ficava lá todos os dias. Ela era fantástica, e ela também se doava muito”, continuou.

“Eu nunca experimentei isso antes, mas, porque nós somos muito parecidas, em certo ponto alguém me agarrou com muita força e me puxou. Eu perguntei ‘O que está acontecendo? E eles falaram ‘Opa, você não é Reb!’. Eu falei como produtora naquele momento, dizendo: ‘Você não vai lidar com ela desse jeito’”, completou.

Objetos Cortantes | Série da HBO com Amy Adams ganha trailer; confira

Amy Adams estrela a série como Camille, uma repórter investigativa que passou uma temporada internada em um manicômio graças aos seus pensamentos suicidas. Libertada, ela mergulha em seu trabalho e investiga o assassinato de duas jovens em sua cidade natal nos EUA.

Marti Noxon (UnREAL) escreve os oito episódios da minissérie, com Jean-Marc Vallée (Big Little Lies) na direção. A estreia está programada para 8 de julho.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio