A Amazon não trabalha mais com o reboot da série Starsky & Hutch, que fez bastante sucesso nos anos 70. O seriado seria comandado por James Gunn, demitido recentemente pela Disney por uma série de antigos tuítes polêmicos que foram encontrados.

Em vista dessa polêmica envolvendo o diretor, a produtora quis garantir que não achassem que o cancelamento se deu por conta dos comentários de Gunn na internet. O projeto já teria sido descartado há alguns meses.

“Nós descartamos completamente o projeto meses atrás. Não há anúncios. É o mesmo caso de qualquer outro projeto que decidimos não continuar”, comunicou um porta-voz da Amazon para o Yahoo.


Estrela de Guardiões da Galáxia deixa Twitter após demissão de James Gunn: “Estamos cansados”

A série que ganharia uma nova versão foi originalmente lançada em 1975 na ABC, e ficou no ar até 1979, com 92 episódios exibidos. O seriado praticamente criou a dinâmica dos parceiros policiais fundamentalmente diferentes que precisam trabalhar juntos – mesma fórmula de Máquina Mortífera, por exemplo.

Além da produção clássica, um filme com Owen Wilson e Ben Stiller foi produzido em 2004. No entanto, não obteve sequência.

Gunn segue fora da direção de Guardiões da Galáxia após ter sido demitido. Mesmo com mobilização em Hollywood pela recontratação do diretor, a Disney ainda não fez nenhum anúncio.