Publicidade

Titãs | Série da DC divide os críticos, que chamam de “sombria” e “frustrante”

Publicado por Lucas Nascimento

12/10/2018 17:22

Quando as primeiras fotos de Titãs, série da DC Universe que reinventa o grupo dos Jovens Titãs, foram oficialmente liberadas, os fãs tiveram muitas críticas.

Aparentemente, a crítica especializada está se dividindo quanto a série, que teve sua estreia no streaming da DC nesta sexta-feira (12) e as reações não foram muito estelares.

Titãs é promissora, e pode ser o que o DCU precisa para alavancar o serviço de inscrição. Mas dado o pedigree do canal, talvez tivesse sido mais radical se os chefes tivessem encorajado seus criadores para considerar como a TV de prestígio poderia ser mais como quadrinhos clássicos, e não vice-versa” – The Verge

“Sombrio é uma qualidade subjetiva, mas as três primeiras cenas de Titãs envolvem uma visão agonizante de morte parental, uma mulher sem memória acordando ao lado de um homem morto e um dia chuvoso em Detroit. A veia de narrativa apocalíptica de Frank Miller-Christopher Nolan permanece viva e bem na DC” – New York Times

Titãs tenta demais ocupar o meio termo entre aborrecente e diversão para família, como as séries da DC na CW e aquelas que definitivamente não são para crianças da Marvel na Netflix. Nesse caso, isso significa uma paleta de cores difícil de ver, xingamentos ocasionais, um tiquinho de sangue extra e a latitude para oferecer impotência sexual como artifício narrativo. Adultos têm sorte, não?” – The Hollywood Reporter

“‘F***-se o Batman é o tipo de coisa que um adolescente petulante – que é algo que, nessa versão da história, Robin não deveria ser (ele trabalha na delegacia de Detroit como detetive quando o conhecemos) – poderia dizer para parecer legal ou destemido. Mas de verdade, faz ele parecer que está se esforçando um pouco demais…” – Rolling Stone

Titãs | Novo clipe da série traz cena de luta com Robin, Columba e Rapina

Na trama, Robin emerge das sombras de Gotham City para liderar um novo grupo de heróis. A recém-formada turma de supercombatentes do crime une forças para lutar contra seus demônios interiores e salvar o planeta do mal. Eles logo percebem que sozinhos são incompletos, mas unidos são Titãs.

Akiva Goldsman, Geoff Johns, Greg Berlanti, Sarah Schechter, Greg Walker, e John Fawcett assumem a produção executiva de Titãs.

Nos Estados Unidos, a atração será disponibilizada pelo DC Universe, o serviço de streaming da editora DC, em 12 de outubro. No Brasil, a Netflix vai exibir a série. A primeira temporada conta com 11 episódios.

Publicidade