Depois de ter descartado uma 2ª temporada de Maniac, série da Netflix, o diretor e criador da produção, Cary Fukunaga, voltou atrás e abriu a possibilidade de novos episódios.

Em recente entrevista ao The Hollywood Reporter, o diretor até admitiu que está “definitivamente” tentado em ter a nova temporada. Mesmo assim, vale lembrar que atualmente Cary Fukunaga trabalha em Bond 25, então pode demorar um pouco para essa ideia sair do papel.

“Quando você gasta muito tempo criando e desenvolvendo essas coisas, elas existem na sua mente como se fossem pessoas reais. Nós podemos facilmente definir como continuaremos a história na Netflix”, contou o diretor.


O criador de Maniac ainda relembrou que o mesmo aconteceu com True Detective. A série foi criada para ter apenas um ano e está chegando já em sua 3ª temporada.

“Nós também escrevemos para uma temporada, mas acabou virando mais temporadas, que são jeitos de se ver uma sequência. Mas, nós não estamos fazendo como é feito da maneira tradicional na TV, jogando iscas para que as pessoas se liguem na série”, comentou ainda Cary Fukunaga.

Maniac | Netflix divulga vídeo de bastidores da minissérie

Maniac narra a história de Annie (Emma Stone) e Owen (Jonah Hill), dois estranhos que acabam se conhecendo durante os últimos estágios de um teste farmacêutico. Annie é uma mulher cheia de problema e com um péssimo relacionamento junto da mãe e da irmã, enquanto Owen é um jovem rico que teve de conviver a vida toda com o diagnóstico de esquizofrenia.

É a primeira vez que Emma Stone e Jonah Hill trabalham juntos desde Superbad (2007), quando eram ainda adolescentes. Justin Theroux será um médico que diz poder curar qualquer doença mental com apenas algumas pílulas. Sally Field completa o elenco principal.

Com 10 episódios, Maniac já está disponível na Netflix.

Crítica | Maniac – 1ª Temporada