O Mundo Sombrio de Sabrina | Templo satânico processa Netflix em US$ 50 milhões

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Após a Netflix se recurar a tirar as imagens da Estátua de Baphomet de O Mundo Sombrio de Sabrina, a gigante do streaming está sendo processada em US$ 50 milhões por um templo satânico, de acordo com o Hollywood Reporter.

Representantes do templo alegam que o seriado infringiu direitos autorais e difamou sua divindade ao apresentar sua imagem sob uma “luz pouco lisonjeira”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Toda confusão foi criada por conta de uma estátua que aparece na série – veja abaixo. Conforme o fundador do templo, Lucien Greaves, a Estátua de Baphomet apresentada tem os mesmos traços do desenho registrado pelo culto.

A estátua, que é uma criatura com uma cabeça de bode, aparece em muitas cenas. Na série, ela está colocada na escola mágica que Sabrina frequenta.

O Mundo Sombrio de Sabrina | Fãs estão se divertindo com culto satânico da série; veja reações

A gigante de streaming ainda não respondeu ao processo.

O Mundo Sombrio de Sabrina é uma releitura dark da origem e das aventuras de Sabrina, a Aprendiz de Feiticeira. Uma história de transição entre a adolescência e a vida adulta, a série apresenta elementos de terror, ocultismo, e, é claro, muita bruxaria.

Seguindo a linha de clássicos como O Bebê de Rosemary e O Exorcista, esta adaptação mostra uma Sabrina que luta para conciliar sua natureza dupla – meio bruxa, meio mortal – enquanto combate as forças do mal que ameaçam a sua própria vida, a de sua família e o mundo habitado pelos humanos.

Todos os episódios da primeira temporada já estão disponíveis na Netflix e a segunda temporada já está confirmada.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio