13 Reasons Why | Escritor do livro entra com processo contra organização após acusações de assédio

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O caso de Jay Asher, escritor dos livros que inspiram a série 13 Reasons Why, teve uma reviravolta nesta sexta-feira (25). Um ano após ser acusado de assédio pela Sociedade dos Escritores de Livros Infantis, o autor entrou com um processo por difamação.

Por conta das acusações, Jay Asher foi expulso da sociedade e não participou da segunda temporada da série da Netflix. Além do grupo, o autor processa o diretor-executivo da organização, Lin Oliver, que enviou uma nota à imprensa falando sobre o caso.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O processo de Jay Asher alega que as acusações são falsas. De acordo com o escritor, que fez um comunicado ao The Wrap, a Sociedade dos Escritores de Livros Infantis não abriu investigação, como foi informado em 2018, e assim, o autor não violou qualquer código de conduta.

Vingadores: Ultimato | Atriz de 13 Reasons Why revela possível visual para filme da Marvel

“O diretor-executivo fez acusações imprudentes e mentirosas sobre mim para a mídia, ferindo a minha família, carreira e reputação. Eu não perdoo qualquer tipo de assédio e passei a minha carreira tentando apoiar as vítimas, então essas alegações foram devastadoras. Hoje, eu registro minha queixa no Tribunal de Los Angeles diretamente para provar que o comunicado do Senhor Oliver é falso e eu vou provar nos tribunais”, afirmou o autor.

No momento, a série 13 Reasons Why está em gravações da terceira temporada. A Netflix ainda não divulgou detalhes da trama.

O elenco conta com os retornos de Dylan Minette, Brandon Flynn, Alisha Boe, Justin Prentice, Christian Navarro, Anne Winters, Miles Heizer, Devin Druid e Ross Butler. Katherine Langford não retorna.

A terceira temporada de 13 Reasons Why estreia na Netflix em 2019.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio