Após dois meses do cancelamento de Luke Cage, o protagonista Mike Colter voltou a falar sobre a série da Marvel na Netflix. Para o ComicBook, o ator disse que não ficou surpreso com a decisão das empresas.

Antes do cancelamento, a estrela da série afirmou ter notado atitudes estranhas de executivos com a produção de Luke Cage. Mesmo assim, Mike Colter admite que ainda sentiu alguma decepção.

“Havia muitas coisas que não estavam corretas. Depois, os prazos. Alguns prazos iam e voltavam. Havia algo que começava a soar estranho. Então, quando aconteceu, eu fique, ‘eu não fiquei tão chocado. Mas sim, ainda em choque'”, contou o ator.


O protagonista ainda comentou a possibilidade de um retorno. Para Mike Colter, se acontecer, não será tão logo.

Produtor de Luke Cage entra em acordo de exclusividade com a Amazon

“Não sei se é algo que os fãs podem fazer. É mais um trabalho da emissora e do estúdio. Precisa de algum tempo. Talvez esteja errado. Talvez tenha acabado mesmo. Mas eu não acho que os fãs… como um fã – os gestos deles são muito bem recebidos e adorados – eu não acho que vá dar em algo, mas é legal saber que querem. Eu não acho que o trabalho deles seja em vão. Mas, precisamos de algum tempo”, declarou o ator.

Luke Cage, assim como Punho de Ferro e Demolidor, foi cancelada no final de 2018. No entanto, no comunicado, a Marvel garantiu que os personagens ainda poderiam retornar no futuro.

Além disso, vale lembrar que a primeira aparição do herói do Harlem na Netflix foi logo na primeira temporada de Jessica Jones, então não seria surpresa uma participação especial. A terceira temporada de Jessica Jones deve estrear em 2019.