A segunda temporada de The Handmaid’s Tale terminou de forma bastante divisiva, com June decidindo ficar em Gilead. Agora, Elisabeth Moss falou à EW um pouco sobre a nova temporada da série.

“Você tem de usar fogo contra fogo”, disse a atriz. “Essa é a jornada [de June] na terceira temporada. Para lutar contra as pessoas que ela tem de lutar, ela tem de se tornar como eles”.

“Não estamos fazendo uma montagem de June se tornando radical – são 13 episódios. Ver alguém passar por esse processo de se tornar cruel foi um desafio. Não queríamos fazer sensacionalismo, ou tornar moralmente fácil também”, continuou o showrunner Bruce Miller.


Pelo jeito veremos uma transformação em June nessa temporada. Veja uma nova imagem desse 3º ano da série abaixo.

The Handmaid’s Tale traz um futuro não tão distante em que a democracia é substituída por uma governo opressivo e fundamentalista cristão nos Estados Unidos. Na distopia, a ordem é de que as mulheres vivam para servir os homens. A obra original foi escrita em 1985, e agora faz sucesso no Hulu, em formato audiovisual.

A 3ª temporada de The Handmaid’s Tale estreia em 5 de junho no Hulu.