Cuidado! Contém SPOILERS de Game of Thrones!

A semana tem sido de muita discussão entre os fãs de Game of Thrones. Muitos ainda não aceitam a trama final de Daenerys, personagem de Emilia Clarke. 

Em The Bells, penúltimo capítulo da oitava temporada e também da série, Daenerys assume a figura de Rainha Louca. A personagem ordena que Porto Real seja queimada e mata até inocentes, mesmo após vencer a guerra contra Cersei. 


Por conta disso, portais e fãs começaram a procurar por traços de loucura na personalidade de Daenerys. O principal motivo apontado é o luto da Mãe dos Dragões, que perdeu tantas pessoas queridas na série. 

Mas, o portal Den of Geek, acredita que a cena que indica a personalidade de Daenerys está na quinta temporada, a última baseada nos livros de George R.R. Martin. A cena é do quinto capítulo, quando a Mãe dos Dragões decide alimentar os seus filhos com os nobres de Meereen. 

“Eles vão comer se eu mandar. Se eu não mandar, talvez eles comam. Alguns dizem que eu deveria desistir deles, mas uma mãe não desiste dos filhos. Ela disciplina eles, mas não desiste. Quem é inocente? Talvez alguns sejam, talvez outros não. Talvez eu deva deixar os dragões decidirem”, diz Daenerys. 

Para o portal, essa é a fala chave que pode ajudar a entender a loucura de Daenerys. “Quando as coisas não acontecem como Daenerys quer, ela usa o poder do fogo”, diz o site.

Naquela mesma temporada, a personagem tinha perdido Jorah, que foi banido, e ainda viu Barristan, com quem tinha importante conexão, ser morto. Depois de Khal Drogo, era a primeira vez que Daenerys era novamente afetada pelo luto. 

Na oitava temporada, antes de ordenar o fim de Porto Real, a personagem perdeu Missandei. Antes disso, descobriu o grande segredo de Jon Snow. Novamente, a protagonista deixou os dragões decidirem.

Veja a cena abaixo. 

No domingo, 19, a HBO exibe o capítulo final de Game of Thrones. Assim, todos descobrirão como acaba a história de Daenerys.