Depois de ser cancelada pela Fox, Lucifer encontrou salvação na Netflix. Ao The Wrap, Tom Ellis, que vive o Diabo, contou como a série mudou na plataforma de streaming.

O ponto mais óbvio é que a série terá menos episódios. Na Fox, a terceira temporada chegou a ter mais de 20. Na Netflix, serão 10.

“Bem, nós temos que ser cuidadosos, porque mesmo com novos limites para trabalhar, nós não quisemos mudar muito a série. Porque eu acredito que uma das razões para o sucesso da série é que ela não é muito vulgar, não vai muito longe em alguns departamentos. Dito isso, nós fomos um pouco mais adiante do que era permitido na Fox. Por exemplo, você pode ver um pouco mais de carne nesse ano, como a de Lucifer. Você também pode ouvir uma palavra estranha, que não foi dita nas temporadas anteriores”, contou a estrela.


Tom Ellis destacou que as mudanças são pequenas. O objetivo da produção foi deixar a série da forma como os fãs adoram.

“O legal é que em muitos momentos que parecia que precisávamos dizer algo, nós agora podemos dizer. Então, isso foi legal. Mas, a série é bem similar a que tínhamos na Fox. Eu digo, é isso que a Netflix queria e parece com a que todos se apaixonaram em primeiro lugar”, garantiu o ator.

A temporada, que é a primeira na Netflix, será lançada toda de uma vez, assim como outras produções da plataforma. Além disso, terá 10 capítulos, a metade de episódios que Lucifer tinha na FOX, uma emissora tradicional.

Lucifer havia sido cancelada pela FOX, mas ganhou uma segunda chance na Netflix. Todas as três temporadas anteriores já estão disponíveis na plataforma de streaming.

A 4ª temporada de Lucifer chega em 8 de maio na Netflix.