Cientistas tentam encontrar um Universo Espelho – como em Star Trek

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Star Trek, os fãs são apresentados ao Universo Espelho. Esse espaço nada mais é do que uma realidade alternativa que existe em paralelo com o nosso universo.

Esse é apenas um dos casos onde a ficção brinca com possíveis teorias de que outras realidades são verdadeiras. Como existe uma base do que é mostrado na série, a NBC News informou nesta quinta, 4, que um grupo de cientistas tentará descobrir se o Universo Espelho pode ser real.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os experimentos acontecem já na metade deste ano no Laboratório Nacional de Oak Ridge, no Tennessee (EUA). Com partículas subatômicas, os profissionais testarão a teoria.

O teste será feito em uma estrutura parecida com o Grande Colisor de Hádrons, instalado na Europa. Porém, o túnel utilizado será menor. Um feixe de partículas será colocado no local e passará por um ímã magnético. Ao final do túnel haverá uma parede. Os cientistas querem descobrir se as partículas conseguem se transformar em cópias, ou versões espelhadas, para que consigam passar dessa barreira.

A cientista Leah Broussard acredita que um resultado positivo pode ser o indicativo de que um Universo Espelho existe em paralelo com o nosso. O experimento pode se tornar uma grande descoberta para humanidade.

Em Star Trek, o Universo Espelho foi apresentado na série original. Nos episódios dessa realidade alternativa, o Capitão Kirk, de William Shatner, e Spock, de Leonard Nimoy, tinham que interpretar versões malignas dos seus personagens, que eram tiranos nesse mundo paralelo.

O Universo Espelho foi mostrado também em Star Trek: Discovery. A série, que atualmente está em exibição, tem duas temporadas disponíveis na Netflix e já está renovada para uma terceira.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio