Durante o painel da série na San Diego Comic-Con, o criador Robert Kirkman falou sobre o fim súbito de The Walking Dead nos quadrinhos.

Para tranquilizar os fãs, Kirkman garantiu que a série não irá embora dessa forma, e que ainda há muito a ser contado.

“Quem estiver preocupado com o fato de o quadrinho acabar ser um indício de que a décima temporada vai acabar do nada no episódio 4, isso não vai acontecer”, garantiu o quadrinista.


“Há muitas mais histórias para contar, e estou muito empolgado em trabalhar com Scott Gimple e Angela Kang para descobrir se existem outras histórias do quadrinho que ainda não adaptamos. Estou bem empolgado, então não se preocupem”, disse.

“O quadrinho é algo muito especial para mim, e eu acho que no quadro geral, você pode ver como se tornou – ou sempre foi – a história de Rick Grimes e Carl Grimes, da mesma forma que o jogo da Telltale é a história de Clementine. Então essa história tinha uma conclusão natural, e eu estava empolgado para chegar nesse ponto”, diz Kirkman.

Detalhes da trama da nova temporada ainda não foram revelados. A showrunner Angela Kang afirma apenas que temas como trauma e paranoia serão tocados, além disso, os fãs verão as consequências dos terríveis eventos da nona temporada.

Na 10ª temporada, os Sussurradores continuarão sendo as grandes ameaças. Ao mesmo tempo, o mistério do rádio deve ser solucionado.

Geralmente, a Fox do Brasil exibe The Walking Dead de forma simultânea com os Estados Unidos. Caso isso seja novamente confirmado, os fãs brasileiros também terão a estreia da 10ª temporada da série em 6 de outubro deste ano.