A Marvel está passando por grandes transformações em sua divisão de TV, especialmente com a chegada do streaming da Disney+. Com isso, um setor deve ser derrubado.

De acordo com um relatório da Variety nesta sexta-feia (27), a Marvel Television pode ser diluída, já que a divisão de cinema de Kevin Feige (Marvel Studios) está cada vez mais envolvida nas produções para as telinhas.

A nova ordem é que a Marvel Studios fique responsável pela divisão de séries, o que vai invalidando o setor chefiado por Jeph Loeb, ainda mais pelo veículo apontar como o “sucesso de Kevin Feige é muito superior ao das produções da TV”, então parece uma questão de tempo até o fim da Marvel TV.


Nesta semana, o grande indício dessa influência foi o cancelamento de Motoqueiro Fantasma, série que Loeb produziria para a Hulu com Gabriel Luna no papel central. Como o personagem deve aparecer agora no MCU, a série foi cancelada antes mesmo de se iniciar.

Fundada em 2010, a Marvel Television foi responsável por séries como Agents of SHIELD, Fugitivos, Manto & Adaga e também todas as produções canceladas na Netflix, como Demolidor e Jessica Jones.