Supergirl: [SPOILER] faz parte de organização criminosa clássica da DC

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

ALERTA DE SPOILERS

Na semana passada em Supergirl, Kara ficou surpresa ao descobrir que seu colega de trabalho e candidato a rival, William Dey, não era um jornalista ruim e também não estava trabalhando para a Intergang e matando pessoas como ela começava a suspeitar.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em vez disso, William está disfarçado, de certa forma, investigando sua chefe, a nova proprietária da CatCo, Andrea Rojas, bem como o resto de sua família. Ele suspeita que Andrea – e talvez sua empresa, Obsidian North – não sejam boas em escala global, e quer provar isso.

No episódio de ontem, 5×05, descobrimos um pouco mais sobre Andrea – incluindo sua verdadeira afiliação, algo que William e Kara podem nunca suspeitar.

O episódio viu Andrea muito focada em um grande evento: o lançamento mundial das lentes de contato VR da Obsidian North. Ela incentiva a equipe da CatCo a encontrar maneiras de escrever sobre eles e incorporá-los em literalmente todo o seu trabalho para ajudar a impulsionar o lançamento e colocar o maior número de usuários a bordo.

Ao mesmo tempo, descobrimos a partir de Breathtaker que ela não sabe quem a contratou, apenas que outros também estão fazendo o trabalho que ela está fazendo, incluindo alguém chamado Rip Roar.

Rip Roar acaba roubando o Marathon Laser de Lex da base do exército em que está sendo armazenado e o vemos sendo abordado pela misteriosa velha do final da 4ª temporada que avisou a Eve que Leviatã estava chegando.

Durante o episódio, William assume que Rip Roar está trabalhando para Andrea e, se não ela diretamente, então sua família e ele são responsáveis pela morte de seu melhor amigo que estava em um relacionamento com Andrea.

Finalmente, descobrimos que o amigo de William não está morto, no entanto. Ele se tornou Rip Roar e não sabe para quem trabalha. No entanto, as coisas começam a se concentrar um pouco mais quando, apesar de Rip Roar quase acabar com toda a National City com um maremoto, Supergirl consegue salvar a cidade e o lançamento do produto de Andrea vai bem.

No final do dia, vemos Andrea entrar em uma limusine, onde ela é confrontada pela Dama do Leviatã, que está ansiosa para usar sua tecnologia nos planos da organização sombria, para descobrir onde Lex falhou.

A ideia de que Andrea está conectada ao Leviatã não deve ser uma grande surpresa, considerando que a organização foi revelada como o maior problema da 5ª temporada anteriormente.

A 5ª temporada de Supergirl está em exibição no canal norte-americano CW. No Brasil, a série é transmitida pelo canal Warner.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio