Kelly Marie Tran estreou como Rose Tico em Star Wars: Os Últimos Jedi, de Rian Johnson. O filme mostrou a mecânica da Resistência em uma missão paralela com Finn (John Boyega).

Em A Ascensão Skywalker, Rose não é vista em ação, já que fica na base da Resistência para estudar as especificações dos destroyers enquanto Finn e os outros partem em sua mais recente aventura. De fato, Rose tem apenas 76 segundos de tempo de tela no novo filme.

Uma série para Rose?

Desde então, muitos fãs adotaram o Twitter para expressar sua desaprovação de como Rose é tratada no longa, iniciando a hashtag #RoseTicoMereceMelhor. Agora, um cineasta proeminente também está pedindo por justiça para a personagem.


Jon M. Chu, que é mais conhecido por comandar Podres de Ricos e por seu trabalho na franquia Step Up, juntou-se à causa na rede social.

Ele expressou o desejo de dar à personagem sua própria série no serviço de streaming Disney+, dizendo “Coloque-me como treinador. Vamos fazer essa série acontecer.”

Star Wars: A Ascensão Skywalker está em exibição nos cinemas de todo o Brasil.