Agora que The Witcher foi lançada, os fãs estão buscando mais informações de bastidores sobre a série.

Em uma entrevista ao podcast de bastidores da Netflix, o produtor Tomek Baginski revelou a existência de uma carta que permitiu que The Witcher fosse produzida.

A carta de The Witcher

De acordo com o produtor, a carta, que foi endereçada a Andrzej Sapkowski, o criador dos livros de The Witcher, tinha mais de 20 páginas. Ela foi escrita com o objetivo de convencer o escritor a permitir que a adaptação da Netflix fosse feita.


“Eu escrevi para ele uma carta, uma carta bem, bem, longa. Tipo, acho que tinha entre 20 e 25 páginas. Eu na realidade imprimi como se fosse um documento, porque pensei que era o jeito correto de se aproximar de um escritor, certo? Escrevendo algo”, revelou.

De acordo com ele, Sapkowski respondeu com um simples, “Hm, interessante”, mas pouco depois, acabou aprovando a ideia que a Netflix tinha para The Witcher.

“O mutante Geralt de Rívia é um caçador de monstros que luta para encontrar seu lugar num mundo onde as pessoas muitas vezes são mais perversas que as criaturas selvagens”, afirma a sinopse.

Henry Cavill vive Geralt, enquanto Anya Chalotra e Freya Allan interpretam, respectivamente, Yennefer e Ciri.

The Witcher está disponível na Netflix. A 2ª temporada tem previsão de estreia para 2021.