Fãs descobriram um grande erro em Vikings – e está relacionado ao personagem Ragnar, vivido por Travis Fimmel.

Na série, o personagem teve cinco filhos, para os quais passou o segundo nome de “Lodbrok” (Bjorn Lothbrok, Ivar Lothbrok, etc.), mas isto acabou por ser um furo na trama.

Buraco na trama

De acordo com o IMDb, “Lodbrok” nunca foi um sobrenome: era apenas um apelido para Ragnar, e que em tradução livre para o português significa algo como “Calças Peludas”.


Portanto, em teoria, os filhos deveriam ser referidos como “Bjorn Ragnarsson” em Vikings, que significa “Filho de Ragnar”.

Segundo o site, os nomes de família não eram usados ​​na Escandinávia naquela época e não se tornaram comuns até o século XVII.

A sexta temporada de Vikings está em exibição no Fox Premium 2. A primeira parte da temporada final também está disponível na Netflix.