ALERTA DE SPOILERS

Após um hiato de um mês, o retorno de Supernatural traz cenas catastróficas muito além do mundo de Sam e Dean. O último confronto de Deus / Chuck com os Winchesters o deixou em uma posição muito forte.

Tendo se recuperado totalmente da ferida do Equalizador que havia dado a Sam uma janela para seus pensamentos interiores e inibido seus poderes, Chuck agora está livre para perseguir seu fim de jogo para seus dois protagonistas favoritos.


No episódio 12 da temporada final de Supernatural, descobrimos que, apesar dessa reviravolta da divindade vingativa, Chuck ainda encontra motivos para procrastinar.

Desta vez, são todos os seus rascunhos que o distraem da tarefa em questão: elaborar o final perfeito para Sam e Dean. E por “rascunhos”, queremos dizer mundos alternativos inteiros.

Então, Chuck decide estragar tudo e jogar todas as suas tentativas anteriores no lixo – desencadeando uma reação em cadeia apocalíptica que rasga o multiverso de Supernatural.

Semelhanças

Para aqueles que assistiram ao recente evento “Crise nas Infinitas Terras” da The CW, que ocorreu no Arrowverso, esse enredo parecerá muito familiar.

“Galaxy Brain” abre quatro semanas no passado na Terra 2 – uma Terra com duas luas, lembrando os dois sóis que orbitam Tatooine de Guerra nas Estrelas.

Se essa pista cósmica não bastasse, Chuck entra no galpão da rádio, onde uma transmissão nos diz que a presidente Hillary Clinton está buscando a reeleição.

Com apenas um atendente de loja assustado para uma audiência, Chuck anuncia que “é hora do monólogo!” e, diante de uma parede de telas de TV, mostra exatamente por que ele decidiu colocar fogo e enxofre em suas criações passadas.

“Eu tenho o que quero de cem Sam e Deans… Esses outros brinquedos, eles não despertam alegria. Mas os verdadeiros Sam e Dean, eles o fazem – eles me desafiam, me decepcionam, me surpreendem.

É hora de limpar o quadro. Todos os mundos, realidades alternativas, subtramas, spinoffs com falhas… é hora de começar a cancelar shows.”

Embora seus motivos sejam muito diferentes, testemunhamos o Anti-Monitor em Arrow abrir um caminho de destruição divina em sua busca para acabar com a realidade do multiverso da DCTV.

Billie / Morte conta aos irmãos que a ira de Chuck acabou com bilhões de pessoas. Isso, mais do que qualquer outra coisa que vimos em Supernatural até agora, cristaliza o quão urgente é que o Todo Poderoso seja parado.

A 15ª temporada de Supernatural está em exibição pelo canal pago Warner.