Publicidade

Atriz de Grey’s Anatomy precisou fazer terapia por causa da série

Publicado por Bruno Tomé

21/04/2020 22:30

A fama pode não ser fácil, ainda mais se tratando de Hollywood. Não faltam casos de famosos que precisam de ajuda pelo impacto de um trabalho ou da carreira.

Como apurado pelo Observatório do Cinema, uma estrela de Grey’s Anatomy precisou de ajuda por causa do trabalho na série. O caso aconteceu com Katherine Heigl.

Em Grey’s Anatomy, a atriz viveu a Doutora Izzie Stevens por quase 6 temporadas. A atriz foi bastante elogiada e ganhou um novo status em Hollywood.

Como efeito da fama, reclamou publicamente de Shonda Rhimes, a criadora do seriado. Katherine Heigl foi, assim, cortada de Grey’s Anatomy.

Toda situação gerou muito estresse e ansiedade para a atriz. Ao perceber o que fez e ver a reação de Shonda, Katherine Heigl ficou extremamente arrependida.

De Grey’s Anatomy a terapia

Em 2007, Katherine Heigl chegou ao ápice em Grey’s Anatomy. A atriz recebeu o Emmy de Melhor Atriz Coadjuvante pelo papel de Izzie.

Porém, um ano depois a atriz não quis concorrer ao prêmio. A justificativa foi como um ataque para Grey’s Anatomy.

“Eu sinto que não recebi material suficiente para concorrer ao Emmy e em um esforço para manter a integridade da organização, estou me retirando da disputa. Além disso, eu não quero tirar a oportunidade de alguém que recebeu material o suficiente”, declarou a atriz ao Entertainment Tonight na época.

A partir da declaração, vários jornais começaram a relatar uma briga entre a atriz e os produtores de Grey’s Anatomy. A confusão terminou em 2010, com a saída de Izzie da história.

Para Howard Stern, em 2016, Katherine Heigl contou que procurou Shonda Rhimes para pedir desculpas sobre a situação. “Não deveria ter dito nada”, lamentou a famosa sobre a declaração polêmica do Emmy.

“Me desculpe, não foi legal e eu não deveria ter dito nada mesmo”, disse a atriz para Shonda. “Eu achei que ninguém perceberia, não me toquei e isso virou uma história”, completou a ex-estrela de Grey’s Anatomy.

Ao deixar Grey’s Anatomy, com Shonda não perdoando ela, Katherine Heigl foi alvo de várias críticas por conta dos comentários de 2008. Além disso, a carreira dela no cinema não decolou.

Como revelou para Vanity Fair, a famosa procurou terapia ao perceber como estava mentalmente.

“Eu nunca tinha feito terapia até alguns anos. Tudo começou por causa de todos os ataques. Não estava lidando bem com isso. Eu estava me sentindo como o maior pedaço de m**** do sapato de alguém. Estava lutando contra isso, tentando não levar para o pessoal e não tinha sentido que tinha algo realmente errado comigo”, contou a atriz.

A polêmica do Emmy virou algo que “induz a ansiedade” para a famosa de Grey’s Anatomy. Não apenas isso, ao ser tratada como “difícil”, Katherine Heigl contou que passou a ficar quieta nos trabalhos dela.

“Uma vez fiz um filme independente e fiquei quieta sobre tudo. Usava sapatos apertados apenas porque tinha medo de dizer e parecer difícil. E depois disso eu fiquei, ‘Pare com isso, não tem sentido'”, revelou a atriz.

Agora, a situação parece superada – tanto que fãs querem Izzie de volta em Grey’s Anatomy.

Grey’s Anatomy está renovada para 17ª temporada. No Brasil, a série é exibida no canal Sony.

Publicidade