Levando sua obsessão coletiva para o próximo nível em The Big Bang Theory, Leonard, Sheldon, Raj e Howard compram uma réplica em miniatura do filme A Máquina do Tempo, de 1960.

A Máquina do Tempo leva os fãs de ficção científica aos primeiros dias do gênero, já que o filme é adaptado do romance original de H. G. Wells, de 1895.

Infelizmente, quando a réplica ornamentada chega, Leonard logo descobre que sua compra não é tão miniatura quanto o esperado, e eles começaram a imaginar aventuras de viagem temporal.


Enquanto o episódio solidificou The Big Bang Theory como a comédia mais nerd da TV, alguns fãs descobriram que seus protagonistas não são tão espertos assim.

Erros

Por exemplo, Howard confunde seus fatos quando Leonard sugere o primeiro destino para a encenação da viagem no tempo dos quatro amigos – a invenção do telefone em 1876.

Um fã no Reddit mencionou: “Howard diz: ‘Boa escolha. Alexander Graham Bell inventa o telefone e chama o doutor Watson.’ O assistente de Bell, Thomas A. Watson, era um experiente projetista e mecânico de eletricidade, mas não possuía um diploma avançado”.

Está bem documentado as primeiras palavras gravadas em um telefone endereçadas ao assistente de Bell como Mister Watson. Afinal, Howard não é historiador, e é possível que ele esteja se confundindo com o companheiro de Sherlock Holmes, Dr. John Watson.

Enquanto isso, outro fã viu que os controles usados ​​para “operar” o suporte não se alinham com o modo como Rod Taylor pilota a máquina do tempo no filme original.

“Quando Leonard entra na máquina, ele fala sobre viajar para o passado e diz algo como ‘Estou marcando a data para…’ Rod Taylor não conseguiu definir a data desejada nos controles, ele simplesmente usou a alavanca para avançar e retroceder no tempo.”

Os episódios de The Big Bang Theory são exibidos no Brasil pelo canal pago Warner.