Arrowverso da DC usa fala mais conhecida do Capitão América

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

ALERTA DE SPOILERS

Na primeira temporada da Batwoman, episódio 19, “Um segredo guardado de todo o resto”, Julia foi sequestrada ao lado de Luke Fox.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Com Silêncio, Alice e seu irmão substituto, Mouse, todos querendo que Luke decifrasse o diário de Lucius Fox, o trio torturou Julia como incentivo.

Utilizando a terapia de eletrochoque ao longo do episódio, eles colocaram Julia em várias rodadas sucessivas. No final do episódio, Luke conseguiu decodificar o conteúdo do diário.

Infelizmente, dado que revelou o segredo para penetrar na armadura da Batwoman, Luke se recusou a revelar a informação.

Apesar de levar mais tensão excessiva, como resultado, Julia estava igualmente comprometida em levar o segredo para a sepultura.

Referência

Para esse fim, diretamente após outra luta, Julia sugeriu que nada a faria mudar de ideia. Foi então que ela pronunciou uma famosa frase: “Eu poderia fazer isso o dia todo!”

É claro que esse diálogo antecede o Universo Cinematográfico Marvel, mas se tornou significativamente associado à sua versão do Capitão América ao longo dos anos.

A frase foi dita pela primeira vez em Capitão América: O Primeiro Vingador – primeiro em uma luta de Steve, ainda sem soro, contra um valentão em um beco; e posteriormente no final do longa para o Caveira Vermelha.

A frase retornaria em Capitão América: Guerra Civil durante a épica batalha contra Tony Stark / Homem de Ferro.

Tão predominante a frase se tornou, que até foi ridicularizado em Vingadores: Ultimato, quando o Capitão lutou contra a versão mais jovem de si mesmo.

Os episódios de Batwoman são exibidos no Brasil pelo canal pago HBO.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio