Tom Ellis ficou marcado por seu papel como Lucifer Morningstar, o atrevido Diabo da série Lucifer, que agora pertence à Netflix. Embora o ator sempre esteja à vontade no personagem em cena, existe um lado negativo em interpretá-lo.

Em entrevista ao Belfast Telegraph, o ator contou que a agenda de gravações de Lucifer acaba afetando a sua vida como pai. Como são muitos dias de trabalho, existem longos períodos em que ele não pode ver as filhas.

“A paternidade é uma grande parte de minha vida e a coisa mais difícil desse trabalho é ficar longe das meninas”, contou. “Acho que o mais importante é que elas saibam que eu as amo.”


Complicações para a vida de pai

“Nós mantemos contato através do Skype e mensagens de texto e elas me visitam durante as férias escolares, mas não é nada como vê-las durante o dia a dia.”

Ellis realmente parece muito apegado às filhas. Em outra entrevista dada à Vulture sobre o anúncio do retorno da série, o ator disse que comemorou se divertindo com as filhas.

“Eu estava com minhas filhas em Londres na época. Elas tinham uma ideia do que o pai tinha passado. Eu me diverti simplesmente tendo um dia normal com elas. Tivemos um pequeno passeio da vitória.”

Tom Ellis irá retornar para a quinta temporada de Lucifer, que deve estrear ainda em 2020. Enquanto isso, o ator também fechou um acordo com a Netflix para voltar para uma sexta temporada.

Lucifer está disponível na Netflix.