Já em sua sexta e última temporada, a série Vikings passou por algumas mudanças ao longo dos anos. Uma das mais chocantes para os fãs foi a saída de Amy Bailey na quarta temporada, em 2016.

A atriz interpretava a sedutora rainha Kwenthrith de Merica. A personagem era importante e teve um fim inesperado depois que a profissional tomou a decisão de sair do programa.

Enquanto ameaçava matar o rei Ecbert com uma faca sobre seu pescoço, Kwenthrith acabou sendo esfaqueada pelas costas pela amante do rei, Judith. Foi um fim súbito após quatro anos na série.


Agora, Amy Bailey contou durante sua participação no podcast Beauty is Eternal que sua saída foi motivada pela gravidez que descobriu na época. Quando ela soube que a série foi renovada para a quarta temporada, ela avisou aos produtores sobre a situação.

No fim, ela não viu outra opção que fizesse sentido para a história de Kwenthrith que não fosse a morte. “Não dava para eu ter os bebês e depois voltar. Não teria funcionado”, ela contou, referindo-se aos gêmeos que esperava.

Depois do nascimento dos filhos, a atriz permaneceu sem trabalhar por seis meses. Ela ainda concorda com a decisão tomada para sua personagem e inclusive brincou no podcast sobre isso: “Kwenthrith já tinha dormido com todo mundo naquele ponto, então, sabe, quem sobrou?”.

Ragnar Lothbrok Kwenthrith Vkragnar Scarred Vikings Vs3e4 Urine ...

Atores pediram para não fazer cena de sexo bizarra

Outra história de bastidores sobre a intérprete de Kwenthrith envolve uma cena de sexo não gravada entre ela e Travis Fimmel, que faz o papel de Ragnar. Isso também veio à tona durante o podcast Beauty is Eternal.

Amy Bailey contou que sentia certo receio ao receber os roteiros da série, por não saber o que sua personagem teria que fazer. Nesse caso, o pedido do diretor seria para que ela “fizesse xixi nele”. A cena entraria para a terceira temporada, mas tanto Amy quanto Fimmel pediram que ela fosse cortada.

Vikings está em sua sexta temporada, pausada por enquanto. A segunda parte, com os episódios finais, deve chegar ainda em 2020.