Game of Thrones tem personagens impressionantes e assustadores, como o Rei da Noite, e até dragões. Porém, o criador George R.R. Martin acredita que a maior maldade ainda está no ser humano.

O homem que criou personagens terríveis para Game of Thrones acredita que Breaking Bad tem um monstro “maior que o de Westeros”. Não trata-se de nada fantasioso.

George R.R. Martin acredita que Walter White, o Heisenberg, é mais perigoso e pior do que qualquer uma das ameaças de Game of Thrones.


Breaking Bad mostra a construção do império de Heisenberg. Porém, é uma história com dois lados.

Enquanto o traficante Heisenberg se torna famoso e poderoso, o professor de química Walter White começa a se perder e se transformar na própria imagem criada para ganhar dinheiro para família. No fim das contas, Walt perde o que era mais importante para ele em Breaking Bad.

Com a épica jornada de Breaking Bad, o criador de Game of Thrones acredita que o verdadeiro mal tem nome e sobrenome. Obviamente, Walter White.

O verdadeiro mal em Breaking Bad

George R.R. Martin usa o capítulo Ozymandias, da temporada final de Breaking Bad, para mostrar como Walter White é terrível. O episódio mostra o declínio total do personagem.

Hank é morto por causa do personagem, que se revela um monstro para família e ainda sequestra a sua própria criança. O que poucos fãs sabem é que o criador de Game of Thrones escreveu ao LiveJournal após a exibição original do episódio em 2013.

“Grande capítulo. Isso que é um soco no estômago… Walter White é um monstro maior que qualquer um de Westeros (Preciso fazer algo sobre isso)”, escreveu George R.R. Martin.

Agora, os fãs precisam decidir se o escritor de Game of Thrones conseguiu ou não.

Game of Thrones terminou após 8 temporadas. A série está na HBO Go.

Breaking Bad está disponível na Netflix. A série continua com a derivada Better Call Saul, que tem 5 temporadas na plataforma.

Ao mesmo tempo, o filme El Camino: A Breaking Bad Movie, com a história de Jesse Pinkman depois da série, também está na Netflix.