Brooklyn Nine-Nine terá que “recomeçar” após protestos nos EUA

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Brooklyn Nine-Nine está reescrevendo as histórias da oitava
temporada em razão dos protestos iniciados após o assassinato de George Floyd,
nos EUA.

“Nosso showrunner, Dan Goor, eles tinham quatro episódios
prontos e jogaram tudo no lixo”, disse Terry Crews ao Access Daily.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Temos de recomeçar do zero. Agora não sabemos qual a
direção que a série vai tomar”, continuou o ator de Brooklyn Nine-Nine.

A decisão não foi tomada de uma hora para a outra. O elenco e equipe da NBC discutiram como a série de comédia poderia se adaptar, especialmente considerando que a violência policial está em pauta nos protestos recentes.

“Tivemos muitas conversas sombrias sobre isso e tivemos conversas profundas sobre isso, espero que, através disso, seremos capazes de fazer algo significativo neste ano”, disse Crews.

“Temos uma oportunidade e planejamos usar isso da melhor maneira possível”, continuou o ator.

Mais sobre Brooklyn Nine-Nine

O elenco da série conta ainda com Andy Samberg, Andre Braugher, Stephanie Beatriz, Melissa Fumero, Joe Lo Truglio, Joel McKinnon Miller e Dirk Blocker.

“O brilhante e imaturo detetive Jake Peralta precisa aprender a seguir as regras e trabalhar em equipe quando um capitão exigente assume o comando de seu esquadrão”, diz a sinopse.

Brooklyn Nine-Nine tem 6 temporadas na Netflix.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio