Vikings está chegando ao fim, e fãs já estão se preparando para a última despedida e o desfecho da história épica dos filhos de Ragnar. Como uma das séries históricas mais influentes de todos os tempos, Vikings vai com certeza deixar saudades.

A temporada final de Vikings está atualmente em hiato, e terá 20 episódios para fechar todas as tramas da série, sendo divididos em duas partes.

Desde a primeira temporada, Lagertha foi uma das personagens mais populares de Vikings. Interpretada com maestria por Katheryn Winnick, a guerreira não demorou a ganhar o coração dos fãs.


Para a tristeza de muitos fãs, a personagem encontrou seu fim na temporada final, assassinada por Hvitserk após uma das alucinações do filho de Ragnar. O funeral da guerreira será para sempre uma das cenas mais icônicas de Vikings.

Em uma entrevista recente, Katheryn Winnick falou sobre as cenas nas quais encontrou a maior dificuldade para gravar; confira abaixo!

Sinceridade

De acordo com Katheryn Winnick, as cenas mais difíceis de gravar na trama de Vikings envolviam uma grande presença dos elementos da natureza.

“Uma das cenas mais complicadas me colocou nadando em uma água congelante com uma armadura extremamente pesada. Para Lagertha, era algo comum, mas para mim, foi muito desconfortável”, afirmou a atriz.

Mesmo que as cenas não tenham exigido uma imersão completa na água, as gravações foram bastante complicadas.

Outra cena que envolveu muita água foi a da morte de Lagertha. A personagem é apunhalada por Hvitserk em meio a uma chuva torrencial. Katheryn Winnick não pôde nem comemorar seu último momento na série, já que estava molhada e morrendo de frio.

“Era tudo muito frio! Depois da gravação, todos queriam me aplaudir, e eu só queria me enfiar debaixo das cobertas e ficar quentinha”, afirmou a atriz.

Winnick também revelou que sua última cena foi extremamente difícil de filmar devido à carga dramática do momento.

“Foi definitivamente uma das cenas mais difíceis de minha carreira. Em um nível emocional, foi devastadora”, contou Winnick.

A atriz também comentou sobre a emocionante cena do funeral de Lagertha e a trilha sonora do momento, intitulada “Lagertha” e composta exatamente como uma homenagem à personagem,

“Eu chorei muito. É uma das canções mais maravilhosas que já ouvi… foi uma honra. Até a cena do funeral, a ficha da morte da Lagertha ainda não tinha caído. Eu tive uma espécie de experiência fora do corpo no episódio, e nesse momento comecei a chorar muito”, explicou a atriz.

Vikings retorna ainda em 2020 com os episódios finais.