Better Call Saul, ao longo de suas cinco temporadas já lançadas, conseguiu integrar personagens de Breaking Bad de maneira orgânica à sua narrativa, sem soar como mero fan service.

Agora, parece que outro importante personagem importante de Breaking Bad pode dar as caras na série derivada. Ao menos é o que indica Peter Gould, em entrevista ao Collider.

“Agora estamos bem perto de terminar o episódio quatro, e temos ideias para tudo que vocês pediram”, disse o co-criador e produtor executivo de Better Call Saul.


“Temos uma ideia de para onde achamos que isso vai, temos uma ideia de como acabar com isso tudo, temos ideias de quais personagens podem ou não retornar, como Walt e Jesse”, continuou Gould, se referindo à dupla principal de Breaking Bad.

A história é mais importante

Peter Gould ainda disse que o foco está na história e não em realizar fan services, portanto, a aparição de certos personagens não é garantida nessa temporada final de Better Call Saul.

“Mas não queremos nos comprometer a nada, porque as coisas mudam e se a história acabar tornando impossível esse retorno de personagens amados, então não os teremos de volta. Nosso objetivo é criar uma história que faça sentido por si só e não seja dependente em referências”.

Considerando o grau de qualidade apresentado nas temporadas da série derivada de Breaking Bad até aqui, confiamos no trabalho de Peter Gould e de Vince Gilligan, co-criador da série.

A sexta e última temporada de Better Call Saul estava prevista para 2021, mas isso pode mudar em razão da pandemia do novo coronavírus.

As cinco temporadas anteriores da série derivada de Breaking Bad estão disponíveis na Netflix.