ALERTA DE SPOILERS

Fãs têm grande poder sobre as produções em Hollywood. Em alguns casos, podem mudar a história e até personagens.

O segundo pode ser visto em NCIS. Reclamações de fãs fizeram com que a série mudasse Tony DiNozzo (Michael Weatherly), que foi um importante personagem para a trama.

Tony foi um dos protagonistas por mais de 300 episódios. No começo, os fãs de NCIS gostavam das referências e do jeito inteligente do personagem.


Porém, perceberam a forma como Tony tratava as mulheres em NCIS. Os espectadores começaram a reclamar sobre isso.

A atriz Pauley Perrette, ex-NCIS, chegou a comentar o fato em entrevistas. A famosa disse que ouviu de fãs que Tony era “misógino” e um típico conquistador de mulheres.

Ao que parece, essas críticas chegaram até a série. O criador de NCIS, Don Bellisario, chegou a confirmar que realmente mudou Tony.

A mudança de Tony em NCIS

A modificação foi feita logo nas primeiras temporadas. Ao final do 4° ano, o criador de NCIS havia comentado como Tony mudou.

“Ele começou em NCIS sendo desagradável com as mulheres e foi gradualmente mudando ao longo das temporadas, com Michael Weatherly pegando o personagem e o amolecendo”, comentou Bellisario.

A mudança levou a um romance com uma importante personagem de NCIS, Ziva. A história dos dois foi interrompida na 13ª temporada.

Ziva aparentemente foi morta e assim, Tony deixou a equipe. Parte disso se deu porque Michael Weatherly quis sair de NCIS.

A personagem, porém, voltou na 17ª temporada. Ao revelar que estava viva, Ziva reencontrou Tony e a filha deles – apesar de que a reunião não foi mostrada em tela.

NCIS conta a história de um grupo de agentes que investiga qualquer crime relacionado à Marinha dos EUA. A série é exibida desde 2003 e está renovada para 18ª temporada.

No Brasil, a exibição é feita pela AXN.