O 150º episódio de The Blacklist foi ao ar em maio de 2020, um grande feito para uma série dramática sobre investigação criminal. Lá em 2013, quando a série estreou, difícil dizer que alguém esperava esse sucesso.

Agora, os atores e fãs da série compartilham um sentimento em comum: estresse.

“Eu costumava ficar sobrecarregado com isso tudo e ainda fico um pouco antes do início de uma temporada”, disse James Spader, que vive Raymond Reddington em The Blacklist, ao TV Guide. “Parece que estou me preparando para uma longa corrida”.


Os fãs também compartilham o estresse de James Spader, mas em razão dos acontecimentos da série.

“Não vou deixar The Blacklist me estressar. Não!”, tweetou uma fã.

“Será que vou conseguir assistir um episódio de  The Blacklist sem me estressar, porque sério”, disse outro fã.

The Blacklist conseguiu de novo! Nunca fiquei tão estressado assistindo uma série”, escreveu outra fã.

Elizabeth Keen não fica de fora

Megan Boone, que interpreta a protagonista Elizabeth Keen também não fica de fora dessa e demonstra uma experiência similar a James Spader.

“Foi um tempo muito intenso e incerto”, disse Boone, sobre esse que é seu primeiro papel recorrente na televisão. “Eu realmente fui jogada nas mídias em um tempo no qual as mídias sociais estavam demonstrando as críticas que as mulheres encaravam e também expondo o quão mais críticas as mulheres recebem em relação aos homens”.

“Entrar em cena com um ator tão experiente tem benefícios incríveis para meu trabalho e para minha experiência. Mas acho que pelo olhar público havia essa questão, ‘quem é essa garota?’. Isso funcionou muito bem para a história. Mas para mim, isso foi desafiador. E eu realmente senti como se precisasse provar quem eu sou”, continuou a atriz, falando sobre contracenar com James Spader, ganhador de três prêmios Emmy.

The Blacklist está disponível na Netflix, com uma oitava temporada prevista para 2021.