Alguns personagens têm o destino modificado por causa dos fãs. O carinho dos espectadores já fez com que algumas figuras ficassem mais tempo na TV do que o esperado.

Esse caso, porém, não é o de The Walking Dead. A série de zumbis sempre seguiu o roteiro planejado de forma firme, o que resultou em mortes que são choradas pelos fãs até hoje.

Uma delas é a de Tyreese Williams (Chad Coleman). O personagem deixou The Walking Dead na 5ª temporada, quando era completamente adorado pelos fãs.


Tyreese aparece na 3ª temporada como líder do próprio grupo de sobreviventes. Por mais tenha que sido rejeitado por Rick Grimes (Andrew Lincoln) no começo, o personagem se tornou um aliado importante.

O amado personagem foi decisivo na trama com o Governador (David Morrissey). Até por isso, parecia que tinha uma longa jornada na série.

Isso mudou no 9° episódio da 5ª temporada, What Happened and What’s Going On. No arco que tem um momento chocante neste capítulo, os sobreviventes encontram Noah (Tyler James Williams) e pretendem ajudá-lo a encontrar a família.

Tyreese fez uma grande amizade com Noah e tenta ajudar o jovem. Porém, quando entrou na casa do amigo, ele, de forma distraída, foi mordido por um zumbi.

Os sobreviventes tentaram cortar o braço dele. Mas, Tyreese morreu em The Walking Dead após perder muito sangue.

Os fãs até hoje querem saber o que aconteceu para o personagem ser morto dessa forma.

Motivo da saída em The Walking Dead

Pela forma da saída, os fãs até poderiam imaginar que o personagem foi morto por decisão do ator ou por algum problema de bastidores. Mas, nada disso aconteceu.

Coleman revelou que a decisão foi do então showrunner Scott Gimple. O ator contou ao The Hollywood Reporter que o ex-chefe de The Walking Dead acreditava que a saída do famoso era um “mal necessário”.

Gimple achava que “uma morte impactante lembraria a todos o valor da vida humana”. Para o produtor, Tyreese deveria ser esse personagem porque os fãs “adoravam” ele e isso daria um impacto em The Walking Dead.

Para muitos, essa foi mais uma decisão polêmica de Gimple.

The Walking Dead está em hiato. A série precisa exibir o capítulo final da 10ª temporada, que está sem data por causa do coronavírus (COVID-19).