ALERTA DE SPOILERS

Dark conta com alguns mistérios ao longo da história na Netflix. Por conta dos muitos detalhes da trama, há até questões que passam despercebidas e parecem que não foram explicadas.

Após a 3ª temporada, as mortes das crianças de Dark trouxeram discussões entre os fãs. Na 1ª temporada, o sumiço e a morte delas eram os grandes mistérios da série.

Com a introdução da viagem no tempo outras tramas começaram a ganhar destaque. Assim, no 3° ano, pouco do assunto parece ser abordado.


O que ficou claro é que Noah era o responsável por raptar e matar as crianças. Até por isso, o personagem parecia o vilão de Dark.

Aos poucos, os fãs da Netflix descobriram que ele fazia parte de um plano maior. Isso envolvia Jonas, Adam e a batalha pelo controle do tempo.

Mas, qual o papel das crianças mortas, como Mads, nisso tudo?

As mortes das crianças em Dark

O que parece é que essas mortes tem uma explicação bem simples. Inicialmente, não se tratam de peças que devem estar em lugares diferentes do tempo.

Noah usava as crianças para testar a máquina do tempo montada por ele. Com a ajuda de Helge, matou meninos como Mads, Erik e Yasin.

Na 3ª temporada, a intenção de Noah é revelada. A máquina do tempo foi construída para ele procurar a filha dele, Charlotte, em diferentes períodos.

No final da vida dele, Noah passou a achar que Jonas tinha levado ela. Até por isso, o personagem tem uma rivalidade com o protagonista.

Porém, Noah não sabia que uma versão da esposa dele, Elisabeth, é quem levou a filha deles para outro período do tempo. Tudo, claro, foi planejado por Adam – que indicou a traição de Jonas ao aliado dele.

A pergunta que fica é o motivo do personagem capturar apenas meninos. Uma teoria é de que Noah sentia uma culpa menor em Dark, já que ele tinha uma filha.

“Quatro famílias iniciam uma desesperada busca por respostas quando uma criança desaparece e um complexo mistério envolvendo três gerações começa a se revelar”, diz a sinopse da Netflix.

Dark tem todas temporadas na Netflix.