Alerta de spoilers!

Os esforços de Layton para tomar controle do Snowpiercer levou a muitas mortes no final da primeira temporada de Expresso do Amanhã, exibida pela Netflix.

Após Melanie Cavill ser retirada do comando do trem, a luta pelo Snowpiercer começou e muitos arriscaram suas vidas pela causa no final da temporada, dividido em duas partes.

Por anos Melanie Cavill fingiu ser o Sr. Wilford, misterioso homem no comando do Snowpiercer, em Expresso do Amanhã. A mentira, no entanto, foi revelada e duas revoltas foram iniciadas no trem.


Nos dois episódios finais dessa primeira temporada de Expresso do Amanhã, Grey e os outros criam um plano para forçar Layton e seu povo a ceder, usando Pike para conseguir que se rendam.

Depois de se aliarem a Melanie, Layton encontra uma maneira de derrotar Grey. Eles trabalham juntos para separar alguns dos carros do trem, deixando os inimigos para trás, para que congelassem até a morte.

Muitas mortes

Isso acaba gerando a morte de mais pessoas que Layton esperava. Dito isso, confira quem não sobreviveu ao final dessa primeira temporada de Expresso do Amanhã:

Walter Fleming, comandante Nolan Grey, Lilah Folger, Robert Folger, Riggs, Gabby, Santiago, Clay.

Com isso, três dos principais antagonistas da temporada acabam morrendo. Ruth, no entanto, sobrevive e pode provar ser problemática na segunda temporada da série.

A primeira temporada de Expresso do Amanhã está disponível na Netflix.