Chicago P.D. apresentou muitos personagens memoráveis ao longo dos anos, mas parece que os fãs têm um preferido.

Conforme aponta o Cheatsheet, Kevin Atwater é quem gera mais comentários nas redes sociais.

Sendo o único policial negro no departamento de Chicago P.D., ele já ganha o devido destaque na série, mas muitos fãs apreciam o personagem não apenas pela sua profundidade, como pela sua aparência, com comentários como “Atwater sem camisa. Esse é o meu tweet”.


Interpretado por LaRoyce Hawkins, o personagem de Chicago P.D. também é importante para que a brutalidade policial e o racismo sejam discutidos.

Em meio a recentes protestos, é natural que o personagem seja usado para denunciar o racismo na polícia.

Denúncias

No último capítulo exibido, Doyle foi morto após uma operação dar errado. Atwater, que estava com ele, contou a verdade: o colega agiu de forma racista.

Na continuidade do episódio, Atwater começou a ser perseguido por outros policiais dentro do próprio bairro. Eram colegas de Doyle que não aceitavam o que foi dito pelo personagem.

O interessante é que a história se relaciona com o que acontece nos Estados Unidos. No país, vários grupos protestam contra o racismo após o assassinato de George Floyd, morto por um ex-policial.

A trama foi exibida um mês antes dos protestos começarem. Com a pausa por causa do novo coronavírus, Chicago P.D. poderá focar na história quando retornar.

Assim, Chicago P.D. toca, em um contexto geral, no que é discutido na vida real. Atwater fez o certo ao denunciar o racismo, mas estará lidando com um sistema que não se mostra tão justo assim.

Chicago P.D. deve voltar no final de 2020. No Brasil, a série é exibida no canal Universal e está disponível no Globoplay.