The Walking Dead já acabou nas HQs, mas tudo indica que a série ainda continuará na ativa na TV por muito tempo. Renovada para mais uma temporada e com filmes e derivados em produção, o mundo dos zumbis não deve deixar a TV tão cedo.

Enquanto o episódio final da décima temporada de The Walking Dead não é exibido, já que foi adiado devido à pandemia do coronavírus, fãs querem saber o que aconteceu com vários personagens.

Uma das tramas mais interessantes dos episódios atuais de The Walking Dead é a dos Sussurradores, que deve terminar com a grande guerra entre as comunidades e dar lugar à introdução da poderosa e influente Commonwealth.


Hoje, Carol é uma das figuras mais queridas de The Walking Dead. Muitos fãs não sabem, mas a personagem originalmente teria morrido na terceira temporada. Confira abaixo tudo sobre essa história!

Carol ou T-Dog?

Na terceira temporada de The Walking Dead, o episódio “Killer Within” marca a morte de T-Dog. Assim como Carol, o personagem estava presente desde a primeira temporada, sendo um dos membros originais do grupo liderado por Shane.

No roteiro original de The Walking Dead, Carol deveria morrer no lugar de T-Dog. A trama da personagem estaria completa com a morte da filha Sophia, então ela deveria se sacrificar para salvar o grupo.

No entanto, os roteiristas e produtores da série decidiram poupar Carol e matar T-Dog.

Na primeira temporada de The Walking Dead, é revelado que Carol sofria violência doméstica nas mãos de seu marido Ed. Com a morte do personagem, os roteiristas escolheram desenvolver melhor a personalidade de Carol a partir de seus traumas.

Sendo assim, o então showrunner Frank Darabont escolheu dar uma nova chance para Carol se tornar uma heroína, ou pelo menos contar com um arco mais interessante.

Foi exatamente isso que aconteceu. Carol contou com um dos maiores desenvolvimentos pessoais de The Walking Dead, evoluindo de uma mulher frágil para uma verdadeira líder disposta a sujar as mãos para o bem comum dos sobreviventes.

A escolha também foi uma ótima notícia para a atriz Melissa McBride, que estava disposta a largar a carreira de atriz antes da produção da série.

“Nós temos o mesmo agente em Atlanta, e Frank Darabont (criador da série) ligou para ele e pediu pessoalmente pelo contato da Melissa, pois se lembrou dela no filme O Nevoeiro. Ele a escolheu para ser a Carol, e na época ela não tinha nenhuma intenção de atuar novamente”, contou IronE Singleton, o T-Dog.

The Walking Dead ainda vai exibir o episódio final da décima temporada.