Lucifer é uma das séries mais populares da Netflix. Após ser cancelada pela Fox, a produção ganhou uma nova chance na plataforma e lançou uma ótima quarta temporada com grandes desenvolvimentos na trama.

Na sexta (21), a Netflix disponibilizou em seu catálogo os episódios da 1ª parte da quinta temporada – originalmente, a série terminaria no quinto ano, mas a Netflix firmou um novo contrato com Tom Ellis e garantiu uma sexta e última temporada.

Durante as gravações dos novos episódios de Lucifer, Tom Ellis enfrentou um novo desafio: interpretar dois personagens diferentes.


Confira abaixo o que o ator achou da experiência!

Lucifer e Michael

A quinta temporada de Lucifer revela algo que fãs já esperavam por um bom tempo: a chegada do arcanjo Michael, irmão de Lucifer.

No entanto, a caracterização do personagem na série da Netflix é bem diferente de sua contraparte das HQs. Na série, Michael é o irmão gêmeo de Lucifer. O ser celestial chega à Terra fingindo ser o irmão, que voltou ao Inferno no final da quarta temporada.

Em uma entrevista a uma revista especializada em cinema e TV, Tom Ellis abordou a experiência de interpretar os irmãos Lucifer e Michael na nova temporada da série da Netflix.

“Foi um verdadeiro desafio, falando sério. O que eu percebi é que como interpretei Lucifer por mais de 5 anos, é muito fácil para mim entrar e sair do personagem. Viver uma nova figura mexeu com a minha cabeça”, afirmou Ellis.

De acordo com o ator, interpretar Michael o fez desenvolver uma dinâmica diferente com os colegas de elenco.

“Por um bom tempo, me senti como uma fraude perante meus amigos de colegas. Mas foi legal pensar como um personagem diferente para variar. Criei uma série de regras para seguir, o que funcionou com o cronograma apertado das gravações”, contou Ellis.

O ator e a equipe de produção de Lucifer se reuniram para criar as diferenças mais importantes entre a interpretação do Rei do Inferno e do Arcanjo Miguel.

“Como o Lucifer e o Michael são muito diferentes, tive que inventar a maneira como ele anda e fala, sem usar próteses ou maquiagem”, revelou o ator.

Na nova temporada, fãs terão que prestar atenção em alguns aspectos particulares para a diferenciação entre Lucifer e Michael.

Enquanto Lucifer tem o famoso sotaque britânico, Michael fala como os americanos. O Rei do Inferno sempre usa ternos e roupas luxuosas, enquanto Michael aparece com um visual mais casual, com moletons e jaquetas.

As cinco temporadas de Lucifer estão disponíveis na Netflix.