A série em live-action da Netflix de Avatar: A Lenda de Aang perdeu muito ímpeto com a comunidade de fãs.

Foi revelado que os criadores originais do desenho, Michael DiMartino e Bryan Konietzko, estavam abandonando a série em live-action, devido ao que eles indicaram ser a Netflix não honrando sua visão criativa.

Naturalmente, a saída de DiMartino e Konietzko gerou uma reação negativa contra a adaptação da Netflix de Avatar: A Lenda de Aang – e agora essa reação se transformou em um grito de guerra total.


Reação negativa

“#CancelNetflixATLALiveAction” é uma hashtag em alta no Twitter, graças aos esforços coletivos dos fãs de Avatar: A Lenda de Aang em todos os lugares.

Previsivelmente, a notícia da desistência de DiMartino e Konietzko gerou todos os tipos de especulação, com “fontes internas” alegando que um grande motivo pode ser a Netflix se recusando a honrar a promessa de escalar um conjunto diversificado de atores para a série.

Agora, os rumores sobre “embranquecimento” da Netflix estão correndo soltos – junto com rumores de tentativa de sexualização de personagens infantis.

No entanto, não sabemos se algum desses relatórios ainda é verdadeiro.

“Os fãs de Avatar: A Lenda de Aang exigem que a série em live-action seja cancelada”, escreveu um internauta furioso.

Outra fã disparou: “A Netflix não quer fazer uma série em live-action de Avatar: A Lenda de Aang. Eles querem fazer uma série usando apenas o nome da marca só para ganhar dinheiro.”

“Já passamos por isso uma vez”, disse uma terceira pessoa, lembrando-se do grande fracasso do filme O Último Mestre do Ar, baseado em Avatar: A Lenda de Aang.

Ainda não há data de lançamento para a série em live-action de Avatar: A Lenda de Aang na Netflix. Confira abaixo as reações mencionadas nesta matéria e algumas outras.

https://twitter.com/Faithnaomii/status/1294153115999100928?ref_src=twsrc%5Etfw
https://twitter.com/jeffrey_salone/status/1294143399931478017?ref_src=twsrc%5Etfw
https://twitter.com/carl_scarl/status/1294298964913782794?ref_src=twsrc%5Etfw