ALERTA DE SPOILERS

A 5ª temporada de Lucifer apresentou um novo desafio para o personagem de Tom Ellis. Michael (ou arcanjo Miguel), irmão gêmeo dele, se apresentou como o novo vilão da série.

Como se sabe, o 5° ano foi dividido em duas partes. A guerra entre Lucifer e Michael ainda precisa ser resolvida, ainda mais que ganhou a adição de Deus, o Todo Poderoso.

Assim, uma dúvida surge. A história com Michael será resolvida já na 5ª temporada ou o personagem pode voltar para o 6° e último ano da série? Em entrevista ao Collider, Tom Ellis respondeu a pergunta, mas sem entregar muito.


Ao que parece, há chances disso acontecer. Tom Ellis comentou que todos ficaram sabendo há pouco tempo, assim como os fãs, sobre a 6ª temporada.

Assim, os criadores ainda tem uma parte da história para “esculpir” até chegar o fim. E isso, claro, poderia envolver Michael, também vivido pelo ator da Netflix.

“Então, foi uma surpresa (a 6ª temporada), apesar de que a série nunca teve uma jornada normal. Não é uma série tipicamente ortodoxa de TV. Passa por vários altos e baixos nos bastidores, mas nós sempre pudemos controlar os golpes. É algo como, ‘Oh, wow, a linha de chegada mudou de lugar’. Os showrunners Joe Henderson e Ildy Modrovich perceberam que ainda há um parte da nossa história que pode ser esculpida e ainda chegar ao fim que estávamos planejando, em primeiro lugar. Nós temos apenas mais alguns corredores para passar antes de chegar lá”, contou o protagonista de Lucifer.

Se a 5ª temporada era a última antes da mudança de planos, o final envolveria Michael. Com o mesmo final planejado, há um bom indicativo de que o vilão retorne.

Porém, o melhor é esperar a produção de Lucifer ou da Netflix confirmar isso.

Lucifer na Netflix

Como mencionado, a 5ª temporada de Lucifer revela algo que fãs já esperavam por um bom tempo: a chegada do arcanjo Michael.

No entanto, a caracterização do personagem na série da Netflix é bem diferente de sua contraparte das HQs. Na série, Michael é o irmão gêmeo de Lucifer. O ser celestial chega à Terra fingindo ser o irmão, que voltou ao Inferno no final da 4ª temporada.

Assim, fãs tem que prestar atenção em alguns aspectos particulares para a diferenciação entre Lucifer e Michael.

Enquanto Lucifer tem o famoso sotaque britânico, Michael fala como os americanos. O Rei do Inferno sempre usa ternos e roupas luxuosas, enquanto Michael aparece com um visual mais casual, com moletons e jaquetas.

As cinco temporadas de Lucifer estão disponíveis na Netflix. A série também está renovada para a 6ª e última temporada.